11 de julho de 2024

Caruaru bateu recorde de público com mais de 150 mil pessoas no Pátio de Eventos Luiz Lua Gonzaga

O São João de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, registrou público recorde no último sábado. De acordo com a gestão municipal, mais de 150 mil pessoas circularam no Pátio de Eventos Luiz Lua Gonzaga.

A noite de shows contou com apresentações de Calango Aceso, Iguinho e Lulinha, Ivete Sangalo e Henry Freitas que subiram ao palco do polo principal da Capital do Forró.

Calango Aceso apresentou clássicos de seus mais de 30 anos de carreira e de grupos coirmãos de estrada. Para a vocalista da banda, Adriana Moral, o público se mantém fiel, quando se trata de forró das antigas. “São músicas eternas e que aquecem os corações apaixonados”.

Iguinho e Lulinha cantaram seus hits sob os ritmos do piseiro e do forró de vaquejada. Terceira atração da noite, Ivete Sangalo aportou no palco principal do São João de Caruaru, com toda a sua energia e animação.

Em pouco mais de uma hora de apresentação, a baiana levantou a temperatura com os seus sucessos. Depois de fazer uma carta aberta falando da realização do sonho, que era cantar no São João de Caruaru, o cantor Henry Freitas fechou a noite.

O São João na Serra Negra, em Bezerros, conhecido como o São João mais frio, também atraiu milhares de forrozeiros de todas as regiões do Brasil mesmo sob fortes chuvas.

Os amantes do forró lotaram o pavilhão de eventos do Polo Cultural e curtiram shows de Rei do Cangaço, Forretrô, Flávio José, Flávio Leandro e Amannda Leão.

O sábado ainda marcou a segunda noite do São João de Petrolina, no Pátio Ana das Carrancas. A mistura de ritmos contou com a presença marcante do forró, axé, arrocha e o romantismo, que fizeram mais de 70 mil pessoas cantarem, dançarem agarradinhos. Os artistas Elisson Castro, Desejo de Menina e os baianos, Bell Marques, Pablo e Thiago Aquino, mantiveram a empolgação do público das 19h até às 4h da manhã.

O relógio marcava quase 3h quando a banda Desejo de Menina subiu ao palco com a nova composição. Os cantores Lenno e Mirela desbloquearam memórias revivendo clássicos de 2005.