6 de julho de 2022

Marília Arraes anuncia coordenador da campanha

Pré-candidata ao governo de Pernambuco pelo Solidariedade, a deputada federal Marília Arraes utilizou uma publicação feita pelo ex-presidente Lula (PT), na terça-feira (5), onde o líder petista justifica sua aliança com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSB), quando ele ainda era do PSDB, para falar sobre fazer um debate político civilizado.

“Faremos um debate civilizado, e vamos mudar profundamente a política em Pernambuco. Marília, Lula, Alckmin e quem mais vier nessa nova pegada”, declarou a parlamentar, em um claro recado aos seus adversários e antecipando o tom que pretende adotar na campanha.

Marília Arraes alia-se ao grupo de Lossio, adversário de Miguel Coelho em Petrolina
Inimigo do amigo do inimigo: Alianças de Miguel Coelho e Marília Arraes dificultam união de palanques
Porto de Galinhas: ‘quando uma mãe chora a sua dor, todas nós choramos juntas’, afirma Marília Arraes, pré-candidata ao governo de PE

Marília Arraes anuncia coordenador da campanha

Em 2020, na reta final da campanha eleitoral para a Prefeitura do Recife, Marília Arraes e João Campos (PSB) protagonizaram uma das disputas mais acirradas da história do pleito municipal com trocas de farpas e até ataques pessoais.

Outra leitura sobre essa publicação se refere ao fato de que Marília Arraes não abrirá mão de usar a imagem do ex-presidente Lula – apesar de o PT cravar que o candidato do petista em Pernambuco é o deputado federal Danilo Cabral (PSB) -, buscando justificar também o fato de estar apoiando um candidato a presidente da República, cujo o candidato a vice será do PSB. O petista indicou que o anúncio de Geraldo Alckmin será feito nesta sexta-feira (8).

Do JC