17 de setembro de 2021

Fogo, bomba e dinheiro espalhado no chão: Criciúma tem noite de ataque criminoso

Intensos tiroteios foram registrados na cidade de Criciúma, no sul de Santa Catarina, na madrugada desta terça-feira (1º). Segundo o chefe da Central de Emergência, Major Eduardo Moreno, a violência teve início com a ação de uma quadrilha especializada em assaltos a bancos, que invade cidades, realiza roubos simultâneos e ataca postos policiais.

De acordo com o 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), um policial foi baleado no abdômen e está em situação estável. Um vigilante também foi ferido, mas não há detalhes sobre a condição de saúde dele.

Durante a ação dos criminosos, seis funcionários da Prefeitura foram feitos de refém em um assalto a uma agência bancária do Banco do Brasil.

Na madrugada, vídeos compartilhados nas redes sociais mostraram dinheiro espalhado no chão da cidade após assaltos a bancos.

A polícia prendeu quatro pessoas, mas ainda não se sabe se elas possuem ligação com a quadrilha ou se são civis que tentaram pegar o dinheiro que estava jogado no chão. Com eles, foi encontrado cerca de R$ 810 mil.

Por volta das 4h, autoridades acreditavam que os autores dos ataques já haviam deixado Criciúma, em fuga por cidades vizinhas.