25 de outubro de 2021

ACM Neto pode ser opção do União Brasil para presidente

Blog do Edmar Lyra

Duas vezes prefeito de Salvador, ACM Neto é o herdeiro político do influente Antônio Carlos Magalhães, que foi prefeito de Salvador, ministro das Comunicações, presidente do Senado e governador da Bahia. Único representante do carlismo na Bahia, ACM Neto tem seu nome lembrado para disputar o Palácio de Ondina em 2022, porém enfrenta dificuldades para viabilizar seu projeto devido à popularidade do governador Rui Costa, do PT, que poderá colocar o ex-governador e atual senador Jaques Wagner para a sua sucessão, que seria um adversário extremamente competitivo.

Arquiteto da criação do União Brasil, resultante da fusão entre o PSL e o Democratas, do qual é presidente nacional, ACM Neto, que já foi deputado federal com grande destaque, sobretudo na oposição aos governos do PT, poderá será o nome do novo partido para disputar o Palácio do Planalto em 2022.

O nome de ACM Neto surge após a declaração do deputado federal Luciano Bivar, futuro presidente nacional do União Brasil, de que o partido terá candidatura própria à presidência da República. O herdeiro de ACM entra no rol dos demais nomes da sigla, Luiz Henrique Mandetta, Rodrigo Pacheco e José Luiz Datena, com o diferencial de que possui maior envergadura que os demais nomes colocados para a disputa, já que construiu uma trajetória de muita articulação política em Brasília, o credenciando para almejar voos maiores.