20 de junho de 2021

Jogando em casa, Sport acaba derrotado por 1 a 0 para o Atlético-MG

Na Ilha do Retiro, o Sport foi derrotado pelo Atlético-MG por 1 a 0, neste domingo (06), em jogo válido pela segunda rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O gol, marcado por Hulk, saiu ainda no primeiro tempo. Equipe mineira, mesmo com muitos desfalques, conheceu a sua primeira vitória na Série A. O resultado negativo interrompe uma sequência de dez jogos sem perder do time de Umberto Louzer.

O primeiro tempo começou movimentado, como é de se esperar de duas equipes que buscam o primeiro triunfo na competição. Aos sete minutos, Marquinhos já mostrou que o Sport estava com vontade, fazendo valer a escalação de Louzer, que montou um time para atacar. Cinco minutos mais tarde, Marquinhos, mais uma vez, levou mais perigo. Dessa vez, a bola foi na trave. Apesar de ter voltado e ter ficado viva na área, ela não foi aproveitada pelos jogadores rubro-negros.

O desperdício do lance validou a máxima do futebol que afirma que “quem não faz, leva”. Na sequência, aos 13 minutos, Hulk, que estava livre de marcação, recebeu um passe de calcanhar de Zaracho. Dali de onde estava, de fora da área, mandou uma bomba e abriu o placar. O fato de o gol ter saído no momento que o Sport estava melhor no jogo foi cruel. Apesar de continuar na insistência, estar atrás no placar desconcentrou a equipe. Para piorar, Thiago Neves sentiu dores na panturrilha e deixou o gramado ainda aos 18 minutos.

Confortável, a equipe mineira passou a ditar um jogo de paciência, apostando na velocidade quando engatava uma jogada de contra-ataque viabilizada pelas brechas deixadas pelos rubro-negros. Já os donos da casa tentavam organizar uma jogada ofensiva, mas mal conseguiam passar da intermediária. Quando passavam, acabavam errando o último passe. Sport e Atlético continuaram tentando, mas a primeira etapa terminou com o Galo em vantagem.

O segundo tempo mal havia sido iniciado, e o Sport veio focado em empatar. Maxwell fez arriscou ainda no primeiro minuto. Mas os visitantes também estavam atentos e respondiam de forma rápida. Aos três minutos, quase Nacho ampliava para o Atlético. A sorte dos rubro-negros é que Sabino estava no lugar certo, na hora certa e impediu a concretização da jogada.

Ainda no intervalo, Umberto Louzer fez duas mudanças a fim potencializar a ofensividade do time, mas não surtiu efeito. André, que foi uma das apostas para a segunda etapa, ainda teve uma chance, já no final do jogo, mas acabou furando.

O domínio do time de Cuca se manteve até o fim, garantindo os primeiros três pontos da equipe alvinegra. Já os comandados por Louzer amargaram a primeira derrota da competição, dentro de casa.

Com a vitória, o Atlético-MG ocupa a 9ª colocação na tabela, empatado com outras cinco equipes — todas com três pontos. O Leão permanece com um ponto, em 14º, e volta a jogar pelo Brasileiro no próximo domingo (13), no Castelão, contra o Fortaleza. Já o Galo também volta a campo no domingo para jogar contra o São Paulo, no Mineirão. Antes disso, na quinta-feira (10), enfrenta o Remo, também em casa, pela Copa do Brasil, no jogo de volta da terceira fase (na ida, venceu fora por 2 a 0).

Ficha de jogo
Sport 0
Mailson; Hayner, Rafael Thyere, Sabino e Júnior Tavares; Marcão, Ricardinho (Tréllez) e Thiago Neves (Gustavo); Marquinhos (Maxwell), Paulinho Moccelin (Patric) e Mikael (André). Técnico: Umberto Louzer
Atlético-MG 1
Everson; Mariano, Igor Rabello, Réver e Dodô; Allan (Gabriel), Tchê Tchê e Zaracho (Borrero); Nacho Fernández (Jair), Hyoran (Marrony) e Hulk. Técnico: Cuca
Árbitro: Raphael Claus (FIFA/SP). Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Anderson José de Moraes Coelho, ambos de SP. Árbitro de Vídeo: Marcio Henrique de Gois (SP).
Cartões amarelos: Hyoran, Igor Rabello (CAM); Marquinhos, Gustavo, Rafael Thyere (SCR)
Gols: Hulk, aos 13’1T (CAM)