20 de junho de 2021

Com reação e gol de André, Sport empata em 2×2 com o Inter

Um empate com gol no fim, marcado pela principal contratação do time na temporada 2021, jogando fora de casa e contra um adversário que, na edição anterior do Brasileirão, disputou o título. Por todos esses aspectos, o resultado de 2×2 entre Sport e Internacional, neste domingo (30), no Beira-Rio, na estreia da Série A 2021, tem muito a ser comemorado pelos rubro-negros. Ainda mais por André, que reestreou com a camisa leonina de forma decisiva.

No início do jogo, o Sport repetiu os mesmos erros vistos diante do Náutico, na final do Campeonato Pernambucano. O futebol do Leão era sem criatividade, de postura reativa e com dificuldades na transição. Quase como se confiasse inteiramente na sua defesa para evitar uma derrota. Com o Internacional, a retranca durou menos de 20 minutos. Sande derrubou Caio na área. Pênalti convertido por Edenilson.

A desvantagem pouco mudou a postura do Sport. A única boa chance saiu pelo alto. Thiago Neves, de cabeça, obrigou Lomba a fazer grande defesa. No rebote, Thyere também parou no camisa 12. Já o Inter precisou apertar apenas um pouco a mais do habitual para ampliar a vantagem. Após escanteio, Rodrigo Lindoso testou firme para fazer 2×0.

Como já esperado, André, maior reforço para a temporada, foi acionado após o intervalo, na vaga de Mikael. A melhora do Sport foi sutil, mas suficiente para incomodar o Internacional. O Leão foi ganhando espaço aos poucos, principalmente pelas laterais. Aos 14, a bola bateu no braço de Maurício, dentro da área. Mais um pênalti no Beira-Rio. Thiago Neves cobrou e diminuiu a desvantagem.

É o comportamento do Sport nos minutos finais que faz o torcedor imaginar um futuro melhor na Série A. Gustavo aumentou a velocidade no meio-campo leonino. André, a presença de área. E a parceria da dupla funcionou. Aos 40, o meia serviu o camisa 90, que tocou na saída do goleiro para empatar a partida. O bandeira assinalou impedimento, mas, após revisão do VAR, o lance foi validado. Aos 50, foi a vez de o Inter ter um tento anulado, mas com checagem do árbitro de vídeo. Todavia, não houve alteração na marcação e o placar terminou em 2×2.

Ficha técnica

Internacional 2
Marcelo Lomba; Saravia, Cuesta, Lucas Ribeiro, Moisés; Edenílson (Nonato), Rodrigo Dourado, Taison (Palacios) e Caio Vidal (Patrick); Maurício (Praxedes) e Yuri Alberto (Thiago Galhardo). Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

Sport 2
Maílson; Hayner, Rafael Thyere, Sabino e Sander (Marquinhos); Júnior Tavares, Marcão, Ricardinho e Thiago Neves (Gustavo); Paulinho Moccelin (Maxwell) e Mikael (André). Técnico: Umberto Louzer.

Estádio: Beira-Rio (Porto Alegre/RS)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Marcelo Van Gasse e Alex Ang Ribeiro (ambos de SP)
VAR: Péricles Bassols (SP)
Gols: Edenilson (aos 18 do 1ºT), Rodrigo Lindoso (aos 43 do 1ºT), Thiago Neves (aos 14 do 2ºT) e André (aos 40 do 2ºT)
Cartões amarelos: Moisés, Maurício, Lucas Riibeiro (I); Rafael Thyere (S)