Para barrar coronavírus, prefeitura restringe acesso às ilhas de Petrolina

A Prefeitura de Petrolina proibirá a partir deste sábado (21) o acesso às ilhas localizadas no âmbito do território do município, as quais não poderão ser frequentadas, com exceção das pessoas nelas residentes. Essa medida – publicada em decreto municipal nesta sexta-feira (20) – se soma a outras já adotadas para tentar barrar o novo coronavírus no município, que até o momento não tem nenhum caso confirmado da Covid-19.

A partir dessa determinação ficam suspensos todos os meios de locomoção para as ilhas, por meio das chamadas “travessias” sediadas em Petrolina, inclusive para os pontos naturais situados na cidade de Juazeiro (BA). A exceção será para as pessoas que moram nas ilhas. O documento também determina a proibição do uso da Ilha do Fogo, balneário localizado entre as cidades pernambucana e baiana, para fins de recreação e qualquer tipo de esporte. A fiscalização será feita por equipes da Ordem Pública e Guarda Civil.

O prefeito Miguel Coelho falou da necessidade de adoção dessas medidas. “O objetivo dessas medidas duras é fazer com que as pessoas fiquem em casa. A cidade já teve uma redução muito grande de pessoas nas ruas, mas é necessário diminuir ainda mais, reduzir ao mínimo possível o número de pessoas circulando nas ruas. São medidas preventivas que estão fazendo a diferença em diversas partes do Brasil e do mundo. Por isso, é importante a compreensão também de todos”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carnaval das Caretas 2019