2 de julho de 2020

Blindagem às críticas e trabalho com Kuki: Salatiel comemora primeiro gol pelo Náutico

Após ser criticado por perder um pênalti contra o River, pelo Nordestão, atacante começou a se recuperar ao marcar gol do triunfo sobre o Vitória

O triunfo do Náutico sobre a Acadêmica Vitória por 2 a 1, além da liderança provisória do Campeonato Pernambucano, também serviu para que o atacante Salatiel Júnior fizesse as pazes com as redes. O atacante foi o autor do gol da virada, o seu primeiro pelo Timbu em jogos oficiais (havia feito um no amistoso contra o Treze).

Tento que também serviu para tirar um pouco a pressão sobre o jogador, marcado pela torcida após perder um pênalti, aos 48 minutos do segundo tempo, nos Aflitos, no empate por 1 a 1 com o River-PI, na estreia da Copa do Nordeste.
Em entrevista coletiva, o jogador revelou que buscou se blindar das críticas durante esse período. E focar no trabalho do dia a dia. “Foi um momento difícil. Muito torcedor criticou, mas também muitos me deram apoio. Eu preferi me blindar e trabalhar quieto, que só assim o resultado vem em campo”, destacou o avançado, de 27 anos, e que no ano passado foi um dos artilheiros da Série C, com oito gols.
O atacante também destacou o apoio que teve do técnico Gilmar Dal Pozzo e dos demais companheiros. Inclusive, após balançar as redes contra o Vitória, fez questão de receber o abraço de todos os jogadores do banco de reservas.
“O grupo todo sempre me deu apoio. Venho trabalhando todos os dias e sabia que uma hora o gol iria chegar. Estou muito feliz pela confiança deles. O clima no grupo é o melhor possível. Trabalhamos todos os dias porque sabemos que o Náutico está em muitas competições e o Dal Pozzo sempre fala para estarmos preparados para quando a hora chegar”, concluiu.

Trabalho com Kuki

E dentro desse trabalho de aperfeiçoamento, Salatiel vem tendo treinos específicos de finalização com o ídolo alvirrubro Kuki, terceiro maior artilheiro da história do clube, com 184 gols. Foi o que revelou o técnico Gilmar Dal Pozzo.
“O caso do Salatiel é um atleta que está sempre trabalhando depois dos treinos, com muita persistência, com uma colaboração direta do Kuki, que está fazendo esse trabalho de fundamento. E o gol dele (contra a Acadêmica Vitória) foi com uma perfeição incrível. Dominou bem e tirou do goleiro”, elogiou, o treinador timbu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *