folhadopajeu

Pressão de setor da construção leva governo a adiar medidas sobre FGTS

Representantes do setor reclamaram para Onyx que não tinham sido consultados pelo Ministério da Economia sobre as mudanças

UOL

A pressão de representantes da construção civil junto ao ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, foi o principal motivo para o adiamento do anúncio da liberação dos saques do FGTS.

Desde que a intenção de anunciar a medida veio a público, representantes do setor, liderados pela CBIC (Câmara Brasileira da Indústria e Construção), reclamaram para Onyx que não tinham sido consultados pelo Ministério da Economia sobre as mudanças que, para eles, poderão agravar ainda mais a situação financeira das empresas do ramo.

Nas conversas com Onyx, eles mostraram que, anualmente, o fluxo de entradas e saídas do FGTS costuma ser de cerca de R$ 100 bilhões e que um saque da ordem de R$ 30 bilhões, valor estimado pelo governo, poderá comprometer o financiamento da construção por meio do FGTS.

As construtoras alegam que já estão endividadas e sem perspectiva de novos projetos diante da estagnação da economia.

Por isso, Onyx foi o porta-voz do anúncio do adiamento da medida para a próxima semana, horas depois de o presidente Jair Bolsonaro afirmar que as mudanças seriam anunciadas ainda nesta quinta-feira (18).

O ministro pediu que o setor seja consultado pela equipe econômica para apresentar os números antes do anúncio. Segundo Onyx, uma medida provisória será editada até o fim da próxima semana.

Representantes de incorporadoras também buscaram contatos com outros membros do governo no Ministério da Economia durante todo o dia de ontem para mitigar efeitos que consideravam nocivos ao segmento.

Receberam como resposta promessas de que a gestão Bolsonaro vai buscar o diálogo com entidades como o CBIC e a Abrainc.

Nesta quinta-feira (18), membros do CBIC foram ao Palácio do Planalto para assistir a solenidade comemorativa aos 200 dias de mandato de Bolsonaro.

Há preocupação no governo com o financiamento da construção civil. O programa Minha Casa Minha Vida, por exemplo, recebe recursos do FGTS.

Bolsonaro assina série de decretos em comemoração aos 200 dias de Governo

Um dos decretos assinados por Jair Bolsonaro transfere o Conselho Superior do Cinema do Ministério da Cidadania para a Casa Civil

O presidente Jair Bolsonaro aproveitou nesta quinta-feira (18) a comemoração dos 200 dias de governo para reafirmar seu posicionamento ideológico e lembrar que quem está no Governo ou pensa como ele ou se mantêm calado.

Ele criticou a utilização de recursos públicos para filmes que, segundo ele, façam ativismo. Avisou inclusive que não se pode admitir que recursos federais sejam utilizados em filmes como o da Bruna Surfistinha, que conta a trajetória de uma garota de programa.

Bolsonaro assinou um decreto que transferiu o Conselho Superior do Cinema, que é responsável pela formulação da política nacional de audiovisual, do ministério da Cidadania para a Casa Civil.

O presidente também explicou que mandou que fosse suspenso um vestibular que reservava vagas para transgêneros e pessoas não binárias. Segundo Bolsonaro, o fato de ser um vestibular exclusivo significa que não tem espaço para quem for heterossexual.

Com a presença de praticamente todos os ministros, parlamentares e do presidente do senado, Davi Alcolumbre, Jair Bolsonaro comemorou os 200 dias de governo. Umas das ausências mais sentidas foi a do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

Na solenidade foram assinadas uma série de propostas: o projeto que prevê a coleta de dados sobre autismo no país, a necessidade da chamada ficha limpa para quem for assumir cargos no Governo, além da regulamentação da venda de produtos agro artesanais como queijo, mel e embutidos.

Jair Bolsonaro voltou a afirmar que, com uma boa equipe, não precisa entender de tudo. Segundo o presidente, ele precisa é agir como um técnico e orientar para onde deve ir o Governo.

*Com informações da repórter Luciana Verdolin

Solidão e São José do Egito com prazo de 90 dias para apresentarem soluções para lixões, determina TCE

A Primeira Câmara do TCE julgou nesta quinta-feira (18) Auditoria Especial realizada nas Prefeituras de Solidão e São José do Egito no exercício financeiro de 2018, objetivando analisar possíveis irregularidades no destino final dos resíduos sólidos urbanos dos referidos municípios, de responsabilidade dos prefeitos Djalma Alves de Souza (Solidão) e Evandro Valadares (São José do Egito).

No julgamento, a Primeira Câmara, à unanimidade, determinou que os gestores desses municípios adotem medidas a partir da data de publicação desta decisão, sob pena da aplicação de todas as sanções previstas na Lei Orgânica deste TCE: No prazo de 90 (noventa) dias, elaborar e apresentar, Plano de Ação visando adequação da destinação dos resíduos sólidos urbanos e eliminação da deposição dos resíduos nos assim chamados “lixões”.

Lixão Zero – O TCE, juntamente com o Ministério Público de Pernambuco e o Ministério Público de Contas, deram início em maio deste ano a uma parceria visando à implantação do projeto Lixão Zero, cuja meta é estabelecer um conjunto de ações para acabar com a situação irregular existente em 105 municípios do Estado, em cumprimento da Lei da Política Nacional de Resíduos Sólidos (nº 12.305/2010).

 

Fonte: Blog do Nill Júnior

Mortos em incêndio no Japão chegam a 33, dizem bombeiros

O número de mortes causadas pelo incêndio causado nesta quinta-feira (18) em um estúdio de animação na cidade de Kyoto, no Japão, chegou a 33, com dezenas de feridos, segundo informações de agentes do corpo de bombeiros. As informações foram confirmadas pela NHK — rede japonesa de televisão pública.

Em princípio, 13 pessoas foram confirmadas mortas, mas um representante dos bombeiros declarou aos jornalistas que, além disso, havia cerca de dez pessoas que podem ter falecido em outros pontos do edifício, onde um homem ainda não identificado jogou um líquido inflamável provocando a explosão.

As chamas afetaram o prédio de três andares da empresa Kyoto Animation, onde no momento do incêndio havia cerca de 70 pessoas.

Fontes dos bombeiros de Kioto disseram à Agência Efe que um total de 37 pessoas foram transferidas para vários hospitais do local, mas apenas confirmaram a morte de uma delas, embora disseram que entre os 36 feridos, dez estão em estado grave. Não há informações sobre o número de pessoas que conseguiram sair ilesas do local.

O bombeiro que falou através de um megafone da possível existência de mais dez mortos, disse que os corpos estavam no terceiro andar e nas escadas para o terraço do edifício.

“Os destroços caídos devem ser removidos e poderemos encontrar mais (vítimas)”, acrescentou, segundo imagens divulgadas pela emissora pública de televisão “NHK”.

Em pronunciamento no Twitter, o primeiro-ministro Shinzo Abe afirmou que está “sem palavras” após o incidente e disse que ora pela alma dos que se foram. “Quero expressar minhas condolências aos feridos e desejar a eles uma rápida recuperação”, acrescentou.

O suposto autor do incêndio, um homem de 41 anos, está sendo interrogado pela polícia.

Um vizinho que testemunhou o momento em que a polícia deteve o possível autor do incêndio, disse que o sujeito possui uma tatuagem em sua barriga e se queixou de ter sido “enganado” pela empresa, mais sem maiores detalhes.

Cerca de 50 caminhões dos bombeiros se deslocaram para o local o incêndio com o objetivo de apagar as chamas.

A Kyoto Animation, com cerca de 160 funcionários, foi criada em 1981 e produz programas de cinema e anime para a televisão. Entre suas produções estão “K-ON!” e “A Melancolia de Haruhi Suzumiya”.

Cade investiga suposto cartel em obras de estádios para a Copa de 2014

A Superintendência-geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica abriu processo para investigar um suposto cartel em obras de construção e reforma de instalações esportivas destinadas à Copa do Mundo de 2014.

Segundo o Cade, a investigação começou com o acordo de leniência, que é uma espécie de delação premiada para empresas, com a construtora Andrade Gutierrez e executivos e ex-executivos da empreiteira.

No trato, a Companhia apresentou informações e documentos que apontavam indícios de conluio entre concorrentes de licitações destinadas às obras em estádios de futebol para realização do mundial.

As empresas investigadas por suposta participação no cartel são: Andrade Gutierrez, Carioca Engenharia, Camargo Corrêa, OAS, Queiroz Galvão, Delta, Grupo Odebrecht e Via Engenharia. Trinta e seis pessoas físicas também estão sendo alvo das acusações.

O Cade informa que há indícios de que os contatos entre concorrentes teriam se iniciado com a definição do Brasil como sede pela FIFA, em outubro de 2007, tendo se intensificado no segundo semestre de 2008.

O cartel teria atuado até pelo menos meados de 2011, quando foram assinados os contratos referentes às obras públicas dos estádios de futebol para a Copa do Mundo.

Oito licitações estão sendo apuradas:
Do Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília;
Arena Amazônia, em Manaus;
Arena Pernambuco, em Recife;
Maracanã, no Rio de Janeiro;
Mineirão, em Belo Horizonte;
Castelão, em Fortaleza;
Arena das Dunas, em Natal e
Fonte Nova, em Salvador.

A superintendência do Cade investiga também licitações complementares aos certames principais, que podem ter sido afetadas pelos acordos ilícitos.

Definidas as semifinais da Copa do Brasil; sorteio dos mandos será na segunda-feira

As semifinais da Copa do Brasil 2019 foram definidas na noite desta quarta-feira: o Cruzeiro, recordista com seis títulos e atual bicampeão, vai encarar o Inter (um título), e o Grêmio (cinco conquistas) pega o Athletico-PR, único semifinalista que nunca foi campeão. Todos estão vivos também na Libertadores.

Cruzeiro eliminou o arquirrival Atlético-MG, com placar agregado de 3 a 2 (vitória por 3 a 0 e derrota por 2 a 0); o Inter bateu o Palmeiras nos pênaltis (5 a 4), após dois placares de 1 a 0 (um pra cada lado); o Grêmio despachou o Bahia, com vitória por 1 a 0 após empate em 0 a 0; e o Athletico eliminou o Flamengo nos pênaltis (3 a 1), após dois empates em 1 a 1.

O sorteio dos mandos de campo será na segunda-feira (dia 22), às 15h (de Brasília), com transmissão ao vivo do GloboEsporte.com. Os jogos serão nos dias 7 e 14 de agosto.

Os quatro semifinalistas, que entraram na Copa do Brasil já na fase de oitavas de final, embolsaram R$ 6,7 milhões por terem chegado a este estágio do torneio.

O prêmio para o campeão será de R$ 52 milhões, e o vice receberá R$ 21 milhões.

Fonte: Globo Esporte

Começa sábado a Temporada de Inverno de Triunfo

Blog do Magno

No próximo sábado será iniciada a 61ª Festa dos Estudantes – Festival de Inverno de Triunfo. Este ano os homenageados serão os caretas, figuras brincantes da cidade sertaneja.

O evento anima o  inverno triunfense, cuja temperatura costuma ser muito baixa neste período do ano, com concertos, exposições em museus, passeios aos pontos turísticos, esportes e muita música com shows variados que tendem a agradar todos os gostos.

A cantora Elba Ramalho abrirá o evento, que será encerrado no dia 27, com show da banda Nação Zumbi e também Danilo Pernambucano. A programação ainda conta com o show romântico de Roberta Miranda.

Internauta Repórter: tapa buracos segue na PE 365

Foto: Farol de Notícias/Max Rodrigues

O Internauta Repórter e poeta Henrique Brandão informou ao blog que a Operação Tapa Buracos não tem sofrido descontinuidade.

“Eles começaram o tapa-buracos em serra Talhada, do viaduto partido para Triunfo. Aparentemente, houve uma determinação para que fizessem no sentido Triunfo-Serra Talhada. A operação chegou pertinho a Jatiuca”, informou. Já hoje cedo ele viu o trabalho de roço da estrada.

Como é de conhecimento público, julho é o mês mais movimentado na cidade turística de Triunfo. Depois do Triunfo Jazz, nos dias 19 e 20 acontecem as festas tradicionais  no distrito de Jericó. Dia 20 começa a Festa dos Estudantes.

Problema é que também há queixas sobre as condições da PE 350, que liga Flores a Triunfo. Em muitos  trechos, a rodovia com inclinação acentuada e muitas curvas exige um trabalho  de requalificação.

Tapa buraco parou na 365

Uma semana após dar inicio a operação tapa buracos na PE-365, entre Serra Talhada e Triunfo, Sertão do Pajeú, o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) suspendeu todo o trabalho sem qualquer explicação aos motoristas e passageiros que utilizam a rodovia diariamente.

A pista foi bloqueada por motoristas, no último dia 8 de julho, quando os profissionais queimaram pneus protestando quanto o excesso de buracos. No dia seguinte, o DER iniciou a operação.

Na manhã desta segunda-feira (15) segundo reportagem do Farol de Notícias no, todos os operários tinham abandonado o local, ficando apenas uma máquina fazendo o corte do mato do acostamento. O DER não informou as razões de paralisação os trabalhos.

Grupo JM foi homenageado na Revista Guia de Saúde MV4

 

Foto: Wellington Júnior

Durante o lançamento do Guia de Saúde MV4, que aconteceu no Hotel Brotas no último dia (10), o casal Joseph Domingos e Maria do Carmo, que administram o grupo JM, foram homenageados nas páginas da revista.
A homenagem se estendeu a toda família e ao grupo JM, pelo empreendedorismo na área de saúde. A agência MV4, em todas as suas edições, destaca histórias de famílias ou de profissionais que atuam ou atuaram na medicina em Afogados da Ingazeira e na região do Pajeú.

Na solenidade, o grupo JM, recebeu muitas citações pelo destaque em várias áreas da saúde nas quais atuam. O vice prefeito Alessandro Palmeira, esteve presente no lançamento do Guia de Saúde, e na ocasião lembrou a importância do grupo na geração de empregos em Afogados. Já o secretário de Saúde, Artur Amorim em seu discurso ressaltou todos os serviços em saúde que são oferecidos pelos empreendimentos do grupo.
O grupo JM, iniciou suas atividades em 1982, com a inauguração do Laboratório de Análises de Clínicas. Atualmente são 5 as empresas do grupo: Laboratório Maria do Carmo, Farmácia dos Municípios, Clínical Center, Pharmaplus e Ótica Center. Todas as empresas se destacam pela excelência nos produtos e serviços oferecidos.

Flores: prefeito autoriza início de pavimentação nesta segunda

Em cerimônia agendada para esta segunda-feira (15), no centenário Palácio Municipal, o prefeito de Flores Marconi Santana, assina a ordem de serviço para construção de pavimento em paralelepípedo da Rua Bahia, no Bairro Vila Nova.

O ato está previsto para acontecer às 9h30 e será restrito aos vereadores, secretários municipais, diretores e chefes de departamento.

O recurso para execução dos trabalhos é exclusivo do tesouro municipal, que serão iniciados já nesta segunda-feira, logo após a assinatura da Ordem de Serviço. A notícia foi dada pelo o próprio prefeito neste domingo (14), quando esteve na rua conversando com os moradores.

A construção do pavimento da Rua Bahia, se junta ao conjunto de ações já empreendido pela gestão municipal no Bairro Vila Nova.

Dentre eles a reforma da Escola Municipal Prefeito Antônio Luiz de Albuquerque, construção do calçamento em frente à Creche Maria Carmelita Brasileiro Santana, construção do calçamento da Avenida Maria Edméa Martins Santana e Rua da Alegria, além da construção da Unidade Básica de Saúde – UBS e da nova Escola Municipal, padrão  FNDE, segundo nota.

Padre Marcelo Rossi está bem após ser empurrado de altar

Uma mulher invadiu o altar e empurrou o padre Marcelo Rossi durante uma missa em Cachoeira Paulista neste domingo (14). A mulher furou a segurança, invadiu o palco durante a celebração que acontecia na Canção Nova e empurrou o padre de cima da estrutura. Apesar da queda, ele não ficou ferido e a mulher foi contida pela Polícia Militar.

O padre estava no local para a missa de encerramento do acampamento ‘Por Hoje Não’ (PHN). Por volta das 14h50 a mulher, que participava do evento, conseguiu furar a segurança, invadiu o palco por trás e empurrou o padre, que caiu da estrutura.

No momento, pelo menos 50 mil pessoas participavam da celebração. Apesar da queda, o padre voltou ao palco minutos depois e continuou a celebração.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher está sendo encaminhada para a delegacia de Lorena para o registro do caso. A PM informou que a ocorrência está sendo feita pela Canção Nova porque o Padre Marcelo Rossi decidiu não registrar a agressão.

A polícia informou que a mulher tem 32 anos e que fazia parte de um grupo que veio do Rio de Janeiro para o evento. Os acompanhantes informaram à PM que ela sofre de transtornos mentais.

Em nota a Canção Nova informou que lamenta o incidente ocorrido com o padre Marcelo Rossi durante a missa e informou que ele foi atendido pela equipe médica do evento e, após ser liberado, seguiu com a celebração até o fim.

Carnaval das Caretas 2019