Daily Archives: 7 de agosto de 2018

Livro aborda migração da Rádio Pajeú para FM

O livro “Migração do rádio AM para o FM – Avaliação de impacto e desafios frente à convergência tecnológica” tem um capítulo dedicado ao processo de migração das emissoras AMs (Modulação em Amplitude) para FMs (Frequência Modulada) de Pernambuco.

A publicação será lançada no próximo dia 22 de agosto em Brasília – DF, durante o 28º Congresso Brasileiro de Radiodifusão. Entre as rádios pernambucanas analisadas – pelo jornalista afogadense, Daniel Ferreira, e pelos pesquisadores da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Andréa Trigueiro e Elano Lorenzato, está a Rádio Pajeú.

A elaboração do livro foi coordenada pelas professoras Nair Prata e Nélia Del Bianco e apresenta os resultados de uma pesquisa nacional que busca entender o impacto da migração do rádio AM para o FM no Brasil. Para a realização da pesquisa, foram identificadas nove rádios do interior de Pernambuco, das quais, seis delas estão situadas no sertão do estado.

As rádios pesquisadas foram: Rádio Pajeú, de Afogados da Ingazeira; Rádio da Grande Serra Ltda., de Araripina; Fundação Emissora Rural A Voz do São Francisco, de Petrolina; Rádio Voluntários da Pátria FM, em Ouricuri; Rádio Asa Branca de Salgueiro Ltda., de Salgueiro; e Rádio Líder FM, de Serra Talhada. As outras três: Rádio Bituri FM, de Belo Jardim; Rádio Papacaça FM, de Bom Conselho; e Fundação João Paulo II, de Gravatá, estão no Agreste pernambucano.

Em relação às razões que levaram às emissoras a migrarem para a Frequência Modulada (FM), todas as emissoras apontaram a melhoria da qualidade de som; possibilidade de aumentar a audiência; expectativa de alcançar várias faixas da audiência, a exemplo dos jovens, e a necessidade de inserir a rádio no ambiente digital móvel (celular).

Nas razões, a possibilidade de aumentar o faturamento com publicidade, oportunidade para renovar o conteúdo e formato da programação, e renovação das formas e canais de interação com a audiência foram apontadas por metade das emissoras.

Sobre o processo burocrático, junto ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) para a adaptação da outorga e, assim, passar a operar em FM, metade das emissoras teve suas expectativas superadas, pois algumas delas já estavam com toda documentação, exigida, pronta. Para a outra metade as expectativas foram atendidas.

O valor pago pela adaptação da outorga foi considerado alto por todas as emissoras. Metade delas investiu até 100 mil reais e a outra metade investiu de R$ 100 a 200 mil.

Além do valor pago para o MCTIC, todas as emissoras ainda precisaram investir em troca de equipamentos como transmissor e torre de transmissão (antena). Outra parte delas investiu, também, em estúdio de transmissão com console de áudio, computadores e outras estruturas.

As rádios na modulação FM têm comportamento de cobertura mais uniforme entre dia e noite, sendo sensivelmente menos afetadas por interferências radioelétricas. Tal mudança também implicará na qualidade do som e, assim, mais mercado de atuação e oportunidade para a publicidade radiofônica.

Ou seja, para essas rádios que migraram (ou ainda vão migrar) surge uma nova fase e um novo momento de renovação, sustentabilidade e, ao mesmo tempo, reposicionamento no mercado com mais audiência e amplitude.

Fonte: Blog do Nil Júnior

Feira do Empreendedor movimenta Afogados e Carnaíba

A CDL Afogados da Ingazeira apresenta a série Feira do Empreendedor. Dividida em quatro partes, onde serão expostos assuntos e casos reais do empreendedorismo dentro desse evento promovido pelo Sebrae. Além disso, também serão apresentadas as propostas por trás da 1ª Expo Carnaíba.

Entre os eventos promovidos pelo SEBRAE, a Feira do Empreendedor é um dos seus maiores sucessos. Como objetivo o fomento à criação de um ambiente favorável para geração de oportunidades de negócio.

Também estimula o surgimento, a ampliação e a diversificação de empreendimentos sustentáveis, além de difundir o empreendedorismo como um estilo de vida.

A ideia inicial permanece: oferecer os empreendedores a possibilidade de adquirir produtos e serviços ou abrir negócios com baixo investimento inicial.

Cada uma das feiras é projetada de maneira diferente, de acordo com a cultura e dinâmica econômica do local onde será realizada. Um lugar onde negócios podem ser criados ou reinventados e um evento marcante nas cidades onde acontece.

A Feira do Empreendedor cumpre duas missões do SEBRAE ao mesmo tempo: estimula o empreendedorismo facilitando a abertura do próprio negócio e o desenvolvimento da capacidade de iniciativa.

Além disso, foca no mercado, que precisa ter potencial para estar preparado às iniciativas empreendedoras, ou o trabalho de fortalecer e incentivar os pequenos negócios perde sentido.

Durante a realização do evento, potenciais empreendedores obtêm informações sobre os segmentos da economia local em que o SEBRAE atua e tem a oportunidade de entrar em contato com empresários de diversas áreas que estão aptos a proporcionar os melhores negócios.

São fabricantes de pequenas máquinas, ofertantes de pequenas franquias, licenciadores de marcas e produtos, além de empresas interessadas em transferir tecnologia e um espaço adequado para encontrar novos representantes comerciais.

Fonte: Blog do Nil Júnior

Carnaíba: Deputado Júlio Cavalcanti chama Paulo Câmara de Pinóquio por ter prometido asfalto de Ibitiranga

“Lamentamos a não realização do asfalto de apenas 10 Km da estrada que liga Ibitiranga a rodovia, prometida pelo governador mais Pinóquio de nossa história”, com essas palavras o deputado estadual Júlio Cavalcanti (PTB) criticou duramente o governador Paulo Câmara (PSB) durante reunião na Associação Rural de Agricultores de Ibitiranga, distrito de Carnaíba, na tarde deste domingo (29). Ele estava acompanhado do deputado federal Zeca Cavalcanti (PTB).

No encontro, comandado pelo vereador Irmão Adilson, também estavam os vereadores Anchieta Crente, Gleybson e Neudo da Itã (presidente da Câmara); os ex-prefeitos Zé Mário e Didi, além do Sr. José, presidente da associação rural de Ibitiranga. Ao lado das lideranças, os dois parlamentares visitaram as instalações e funcionamento de um poço cristalino no sítio Antonico.

No encontro, os deputados, alem de lamentarem as promessas não cumpridas do governo do Estado de asfaltar a estrada que liga Ibitiranga a cidade e criticaram também a falta de assistência à saúde por parte da prefeitura. O deputado Júlio Cavalcanti ainda cobrou a aquisição da ambulância por parte da prefeitura fruto de emenda de sua autoria. “Vamos cobrar a aquisição da ambulância de emenda nossa que a prefeitura ainda não comprou e cobrar, também, que o governo se posicione sobre a obra da estrada e, se Deus e o povo assim quiser, vamos concretizar esse sonho com o novo governo que assumirá em janeiro de 2019”, disse o parlamentar.

Além de Carnaíba, o deputado Júlio Cavalcanti também esteve neste domingo na cidade da Pedra, agreste de Pernambuco, aonde participou da Cavalgada ao lado do ex-prefeito Zeca Vaz (PTB) e outras lideranças, a exemplo dos ex-secretários Popó Vaz e Claudio Mendonça, Jailson e o advogado Dr. Rivaldo Leal.

Fonte: Blog do Cauê Rodrigues

IF-Sertão inaugura quadras poliesportivas com recursos assegurados graças a empenho de Fernando Bezerra junto ao MEC

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, campo de beisebol e área interna

Brasília, 07/08/18 – O Instituto Federal do Sertão (IF-Sertão) inaugurou quadras poliesportivas nos campis de Salgueiro e Ouricuri com recursos do Ministério da Educação assegurados graças a empenho do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) junto ao MEC. O investimento é da ordem de R$ 2,6 milhões, transferidos pelo governo federal ao IF-Sertão. “Estamos colhendo os resultados de um trabalho sério e comprometido com o nosso povo, os nossos alunos e o nosso Sertão”, comemorou a reitora do Instituto, Maria Leopoldina Veras, em agradecimento ao senador.

As quadras foram entregues aos alunos nas últimas quinta-feira (Salgueiro) e sexta-feira (Ouricuri). “Trabalhar para a garantia de investimentos na educação dos pernambucanos é uma das prioridades de meu mandato no Senado”, destaca Fernando Bezerra. “O Instituto Federal do Sertão é referência em ensino superior e merece todo o meu empenho”, acrescenta.

EMENDAS PARLAMENTARES – Além da construção das quadras poliesportivas, o IF-Sertão também equipou os laboratórios de Física de todas as unidades do instituto com investimento garantido por emenda parlamentar de Fernando Bezerra Coelho. Os recursos, assegurados no Orçamento da União, somaram R$ 1 milhão e foram utilizados, ano passado, nos campis de Petrolina, Petrolina Zona Rural, Serra Talhada, Floresta, Salgueiro, Ouricuri e Santa Maria da Boa Vista.

De 2015 até o momento, o senador Fernando Bezerra garantiu a Pernambuco cerca de R$ 30 milhões por meio de emendas parlamentares. Além do IF-Sertão, os recursos beneficiaram diferentes municípios do estado e instituições como a Associação Petrolinense de Amparo à Maternidade e à Infância (Apami), a Fundação Altino Ventura e o Instituto do Fígado de Pernambuco (IFP), entre outras.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, campo de beisebol e área interna

A imagem pode conter: 13 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, campo de beisebol e sapatos

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, multidão e área interna

A imagem pode conter: 1 pessoa, campo de beisebol

Armando critica omissão do governo na segurança

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Preocupado com mais uma onda de ataques de assaltantes a pequenos comerciantes, o candidato a governador pela coligação Pernambuco Vai Mudar, senador Armando Monteiro (PTB), comentou, nesta terça-feira 7, sobre a omissão do governo do Estado na área de segurança pública. “O Estado está dominado pelo medo: no interior, na zona rural, a criminalidade não está mais restrita ao Grande Recife e à capital. Todos os avanços do Pacto Pela Vida terão que ser recuperados”, afirmou.

“Nós vamos resgatar a autoridade do governo. E quando eu falo em restaurar a autoridade, eu não estou fazendo promessa. Eu estou dando um aviso aos bandidos que hoje agem livremente. Nós vamos combater a criminalidade sem trégua”, assegura.

Na tarde da segunda-feira 6, comerciantes que vinham da cidade baiana de Euclides da Cunha em direção a Toritama foram assaltados na BR-423, na altura do município de Águas Belas, no Agreste Setentrional. Eles iriam à feira da capital nacional do jeans, mas foram interceptados por homens armados e feitos reféns por cerca de quatro horas.

“Esse tipo de investida virou rotina. Atrapalha a nossa economia, atinge a nossa competitividade. E o governador não fala nada. Como sempre, se esconde atrás do balcão”, prosseguiu Armando. “E, como de praxe, sabemos que nem ele nem sua assessoria vão responder isso. Porque acham que têm que responder à oposição. Mas, quando eles calam, eles deixam de responder ao povo de Pernambuco.”

Foto: Leo Caldas/Divulgação

PF aponta falha mecânica como causa de acidente de Eduardo Campos

O relatório da Polícia Federal apresentado na tarde desta segunda (6), pelo delegado Rubens Mailener, concluiu a causa do acidente que vitimou o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos e os seus assessores. O documento aponta falha mecânica como sendo a causa do acidente. O delegado trabalhou com 10 hipóteses, das quais quatro continuam possíveis, quase todas elas apontando para defeito na aeronave. Segundo o relatório, a causa mais provável seria um problema no profundor ou compensador da aeronave, localizados na cauda do avião com a função de diminuir a forca necessária a ser exercida pelo piloto durante as manobras.

Em um breve pronunciamento à imprensa, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann disse ter acompanhado a apresentação do relatório em atenção à família do ex-governador, mas que a questão é eminentemente técnica e que ele não tem mais nada declarar. Já João Campos, filho do ex-governador, falou à imprensa em nome da família e mostrou confiança no trabalho dos investigadores. “Reconhecemos o importante trabalho da PF nessa investigação. É uma angústia da família, pois estamos completando quatro anos de acidente mas entendemos que essa demora foi para que fosse feito o melhor trabalho possível”, disse.

João Campos referendou o relatório apresentado e evitou especulações sobre acidente premeditado. “O delegado Rubens Mailener é uma pessoa muito séria, que conduziu os casos mais relevantes do país como o acidente com o avião do ministro do STF Teori Zavascki, o acidente da Gol e da Air France. Ele descarta a possibilidade de sabotagem. Nós vamos olhar os autos mas estamos felizes com o tratamento que recebemos e com a disponibilidade dos peritos. Não tivemos acesso a todos os documentos e por isso não vou falar de forma precipitada”.

“Sabotagem”

Contrariando esse entendimento, o advogado Antônio Campos, irmão do ex-governador apontou para a possibilidade de acidente criminoso. “Essa falha técnica pode ter sido tecnicamente preparada como uma bomba relógio e ser previamente planejada. Ficou claro que não foi falha humana que derrubou Eduardo campos. O que derrubou o avião foi falha mecânica. Isso leva à uma segunda hipótese de que foi sabotagem. Quando o relatório chegar ao MPF vamos requerer diligências complementares” disse.

Pré-candidato a deputado federal, Antônio Campos (Podemos) divulgou um parecer técnico do comandante Carlos Camacho, especialista em acidentes aéreos, em que é apresentada uma série de nove acidentes com aeronaves Cessna Citation, de modelos das séries 500 e 600, ocorridos em diversas partes do mundo entre 2001 e 2016. É esse documento que Campos anexou aos autos da ação movida contra a União e a empresa fabricante do avião.

“Há um erro claro de projeto do avião que causa um problema operacional sério. A asa que existe na cauda produz movimentos aerodinâmicos que, em casos de voos em altura baixa, pode levar a um mergulho fatal e não existe (nesses modelos Cessna) um aviso sonoro para que a tripulação possa reagir a tempo de evitar a tragédia”, explicou Camacho ao Estado.

Segundo Antônio Campos, na reunião com os familiares houve o questionamento sobre a desorientação espacial, porém esta indagação foi considerada pelo delegado como a mais improvável das que restaram. “Levantei essa tese no inquérito com assistentes técnicos e há registros na imprensa disto”, conta Campos.

Para Antônio Campos, ficou claro que não houve falha humana, ao contrário das conclusões do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). “O que pretendo aprofundar, perante o Ministério Público Federal e ao juiz a quem será encaminhado o procedimento, é se essa falha mecânica pode ter sido tecnicamente preparada como uma bomba-relógio, o que caracterizaria sabotagem”, declarou. “O delegado Rubens Maleiner fez um grande trabalho, mas as investigações ainda não acabaram”, conclui.

Causas prováveis
Das dez hipóteses iniciais com que os investigadores da Polícia Federal trabalharam, restaram apenas quatro. Além do defeito no profundor do compensador, também não foram descartadas a desorientação espacial, a colisão com um objeto (uma ave, por exemplo) e o desvio de trajetória para evitar a colisão com um objeto.

Por: Portal FolhaPE, com informações de Renato Raposo