24 de novembro de 2020

Santander Brasil tem lucro de R$ 3,8 bilhões no 3º trimestre

Resultado representa uma alta de 88,2% em relação aos três meses anteriores. No acumulado em 9 meses, porém, ganhos seguem abaixo do registro no mesmo período de 2019.

O banco Santander Brasil registrou lucro líquido societário de R$ 3,811 bilhões no 3º trimestre, um salto de 88,2% em relação aos três meses anteriores, segundo balanço divulgado nesta terça-feira (27).

Já o lucro gerencial, que exclui fatores extraordinários, alcançou R$ 3,902 bilhões, uma alta trimestral de 82,7%.

No acumulado nos 9 meses do ano, porém, o lucro do banco ainda segue em patamar abaixo do registrado em 2019. O lucro líquido societário soma R$ 9,611 bilhões, valor 7,9% menor em relação ao mesmo período do ano passado. Já o lucro gerencial soma R$ 9,891 bilhões, uma queda de 8,65%.

O resultado do 3º trimestre também ficou acima do registrado entre julho e setembro do ano passado, quando o Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 3,608 bilhões.

A margem financeira bruta atingiu R$ 38,707 bilhões nos 9 primeiros meses de 2020, alta de 9,6% na comparação anual. Em 3 meses, porém, apresentou queda de 8,7%.

As despesas gerais aumentaram 3,6% na comparação com o trimestre anterior e 1,9% em 12 meses, explicada por maiores despesas administrativas.

As despesas de provisão para créditos de liquidação duvidosa somaram R$ 14,935 bilhões nos primeiros 9 meses de 2020, alta alta 39,3% em 12 meses e queda de 48,2% no trimestre.

Carteira de crédito avança

 

A carteira de crédito total somou R$ 397,385 bilhões no acumulado do ano, 19,8% superior ao mesmo período do ano anterior. Em três meses, registrou alta de 3,8%, impulsionada pelos segmentos pessoa física (+5,1%) e pequenas e médias empresas (+14,6%).

“Nossa participação de mercado em crédito alcançou 10,4% em agosto de 2020, alta de 0,67 p.p. em doze meses e retração de 0,15 p.p. em três meses”, informou o banco.

O índice de inadimplência superior a 90 dias atingiu 2,1% em setembro, queda de 0,9 p.p. em 12 meses e de 0,3 p.p em 3 meses

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *